top of page

Festival de Arembepe 2024 atrai mais de 20 mil pessoas em 1ª noite no espaço Arena


Foto: Jean Victor

 

Neste sábado (9/3), primeira noite de shows do espaço Arena, milhares de pessoas compareceram para prestigiar as atrações que levaram muito agito e alegria ao Festival de Arembepe 2024, em sintonia com o tema da edição, que é "Essa energia é sem igual". Batizado de palco Katita, por lá, o público pôde conferir apresentações de Nilson Santos, Swing do T10, Samba do Litoral (SDL), Heitor Costa, Adriano Reis e Parangolé.

Muito esperada pela população da localidade, além de visitantes e turistas, a festa contou com um público estimado de mais de 20 mil pessoas, de acordo com a organização do evento. A programação do espaço Arena foi aberta com o arrocha de Nilson Santos; seguido da banda Swing do T10, que agitou a galera ao som do pagodão. O vocalista do grupo, conhecido como Mano John, falou sobre a alegria de tocar pela primeira vez no Festival de Arembepe. “É uma festa muito tradicional do verão da Bahia, então ficamos muito felizes por participar. A expectativa e a ansiedade estavam grandes. No palco, a missão foi ter feito o público também sentir essa alegria, e para isso houve muita entrega”, disse.

Já a prata da casa, SDL, ao longo dos 10 anos de carreira, se apresentou em todas as edições da festa de Arembepe. Para o cantor Egberto Brutus, a emoção é sempre incrível. “Como nativo, posso dizer que Arembepe é o melhor lugar do mundo, então é maravilhoso tocar em nossa terra. E esse ano o show foi especial, pois foi feito em homenagem às mulheres brasileiras”, disse. O repertório da SDL foi repleto do samba raiz e partido-alto.

Uma das atrações mais aguardadas da noite, Heitor Costa, fez o público arrochar, e não deixou de fora da performance a dança que já virou marca emblemática nas apresentações do cantor. Fenômeno de público, o artista levou para o show grandes sucessos, como “Na hora da raiva” e “Pássaro Noturno”. Ele destacou a sensação em ver a resposta positiva dos fãs. “O sentimento é o melhor possível, uma energia muito boa, o que é ainda mais especial por esta ser a primeira vez que tocamos no Festival de Arembepe, que é um dos maiores festivais da Bahia. A satisfação de estar aqui hoje é imensa”, destacou.

Entre as pessoas que foram para a festa especialmente para curtir o som de Heitor Costa estava o montador de drywall, Emerson da Cruz, morador do Conjunto Residencial Caminho do Mar I. “Durante o dia aproveitei os blocos, mas fiz questão de vir também à noite para ver o show de Heitor Costa. A festa está muito boa e tranquila”, disse.

A sofrência também foi garantida quando Adriano Reis subiu ao palco, fazendo um show enérgico. A programação da noite foi fechada com chave de ouro com a animação da banda Parangolé, que lotou a arena. No repertório, grandes sucessos, como a música do verão, "Perna Bamba", além de hits como “Rapunzel” e "Ela não quer guerra com ninguém".

A frente do grupo, o cantor Tony Salles esbanjou simpatia e carisma. Ele falou sobre a sensação em tocar no Festival de Arembepe. “Uma festa já tradicional, que encerra as festas do verão da Bahia e, claro, o clima não podia ser diferente, com um repertório que é a cara do nosso carnaval”, disse o vocalista.

Para o público, a noite também foi de muita alegria. Gilvania Silva foi curtir o evento especialmente para ver Parangolé. “Eu amo a banda! Todos os anos venho para o Festival de Arembepe, que é um festejo de grande prestígio, o qual finaliza o carnaval baiano”, afirmou a moradora do Centro de Camaçari. Amanda Souza, residente de Arembepe, também vem todos os anos prestigiar a festa da localidade. “Venho sempre com minha família e, por mais uma vez, estou aqui para aproveitar. Deu para curtir muito”, destacou ela, que é professora.

Durante a festa, o gestor da Secretaria de Governo (Segov), José Gama, destacou o caráter tradicional do evento. “Faz parte do calendário de festejos populares de Camaçari, aberto em janeiro, na localidade de Barra do Pojuca; e aqui concluímos esse ciclo de forma grandiosa. É um festival importante por fomentar a economia local, potencializar o turismo da nossa costa, valorizar a cultura, além de levar entretenimento à população”, disse.

Também prestigiando a festa, o presidente da Câmara Municipal de Camaçari, vereador Flávio Matos, falou da importância do evento. “A festa de Arembepe, que foi transformado em festival, é um momento importante para a cidade, reunindo atrações locais e artistas renomados da música nacional, além de acolher tanto os moradores da localidade, quanto turistas de todos os cantos. Está sendo mais uma edição grandiosa”, afirmou.

Vale acrescentar que, de forma simultânea, além das apresentações do palco Katita, o público contou com show em mais três espaços alternativos. O Festival de Arembepe é promovido pela Prefeitura de Camaçari, através da Coordenação de Eventos, setor vinculado à Segov, em parceria com diversas secretarias municipais e demais instituições.


Confira a programação do espaço Arena para este domingo (10/3):

18h – Alice Moraes

19h30 – Adão Negro

21h – Zurc

22h – Psirico

23h30 – Silvanno Salles


Diretoria de Comunicação - Prefeitura de Camaçari


0 visualização0 comentário

Comments


bottom of page