top of page

Literatura e portunhol, Carlos Higgie e Raphael Ficher




Sobre o livro NINGUÉM ME FALOU QUE O TEMPO NÃO É VENTO e outras obras. Poemas feitos por homens, em minha opinião, são especiais, pois os homens, em geral, são mais travados e quando um homem se desnuda de sua máscara de “forte”, surge a alma leve e pura. Higgie é um homem maduro, querendo passar a imagem de velho, mas tem a alma jovem, apaixonada e apaixonante. O amor em sua vida parece ser uma vaga lembrança, mas ele traz para o presente o sentimento perene em seu coração de eterno amante apaixonado. Seus textos têm nuances de sensualidade, sem ser vulgar e a beleza de um coração vivido. Os leitores, que tiverem “olhos para ver”, verão a beleza e as mazelas do mundo, na visão do poeta e perceberão que Higgie coloca em palavras seus sentimentos e sua visão de mundo.


Neida Rocha Escritora e Ativista Cultural Pomerode (SC)









47 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page